Tem o seu futuro organizado e sabe qual o caminho a seguir? Não? Isso não faz sentido, porque desse modo será mais difícil organizar o presente se não souber para onde se quer dirigir.

Aprenda a estabelecer os seus objetivos de vida.

A palavra ‘objetivo’ deriva do latim objectívu, que significa aquilo que se pretende alcançar, propósito ou alvo. Logo, um objetivo deverá auxiliar-nos na escolha do caminho a seguir, para que consigamos manter os níveis de motivação elevados e consistentes.

 

12 Estratégias

Mas como estabelecer objetivos de vida? Aprenda, de seguida, 12 estratégias para formular objetivos de sucesso. A saber:

 

  1. Tenha uma atitude positiva

É essencial que tenha uma atitude positiva em relação ao seu futuro. O otimismo irá ajudá-lo a acreditar que conseguirá cumprir com as suas metas, para que o stress não seja tão invalidante.

  1. Objetivos claros e bem formulados

Não seja vago nos seus objetivos. Estabeleça-os de forma clara e concreta. Isso irá auxiliá-lo a ter uma visão mais verdadeira do futuro, com mais foco e ambição. (Ver caixa 1)

 

  1. Estabeleça objetivos que não entrem em conflito

Os seus objetivos não devem estar em conflito entre eles ou com a sua perspetiva de vida. Seja coerente.

  1. Faça objetivos mensais e reveja-os

Quando os seus objetivos forem específicos, deverá fazer planos mensais ou com outra periodicidade, de acordo com as exigências de cada um. É mais fácil manter a motivação, quando sabe claramente quais serão os próximos passos a seguir. (Ver caixa 2)

 

5. Foque-se numa única coisa de cada vez

Tentar fazer muitas coisas em simultâneo, poderá conduzir ao insucesso. Primeiramente, concretize as tarefas mais urgentes. Ou, então, as mais fáceis de realizar (para se automotivar). Posteriormente, realize as tarefas mais difíceis.

 

  1.  Estabeleça compromissos diários

Estabeleça um autocompromisso diário com a meta a que se propôs realizar. Somente assim, conseguirá empenhar-se profundamente nas tarefas diárias, com vista à obtenção do objetivo final.

  1. Tome consciência dos seus próximos passos

Ao longo de todo o processo, tente ter a consciência clara dos próximos passos a realizar, para que deste modo, esteja sempre focado e motivado.

  1. Realize ‘um pouco’ todos os dias

Não se desfoque e deixe tudo para fazer ‘à última da hora’. Procure fazer um pouco de cada atividade todos os dias, por forma a que realize cada tarefa da maneira mais correta, profunda e consistente.

  1. Partilhe publicamente os seus objetivos

Se partilhar os seus objetivos, sentirá uma maior pressão, para ter sucesso final, porque saberá que alguém irá questioná-lo sobre o seu desempenho. Assim, o risco de desistir será mais reduzido.

  1. Ajude outras pessoas a atingir objetivos de vida

Sirva de exemplo para outras pessoas. Desta forma, sentirá que está no caminho correto e a motivação irá aumentar grandemente.

 

  1. Monitorize diariamente o seu desempenho

Avalie diariamente as suas ações. Somente assim, conseguirá perceber se está a ter um bom desempenho e se as tarefas que realizou foram corretamente feitas. Está ainda a tempo de melhorar e refazer a sua forma de atuar.

  1. Utilize um sistema de autorrecompensa e de autorreforço

Por cada objetivo atingido, autorreforce-se com uma prenda. Poderão ser coisas simples, como um livro, um passeio, uma ida ao ginásio. Mantenha-se motivado.

 

Após a formulação correta dos seus objetivos de vida, quer saber a importância destes na sua vida?

Quem formula objetivos, habitualmente…

  • Planeia antecipadamente as ações a efetuar na sua vida, reduzindo a incerteza futura;
  • Consegue mais facilmente avaliar o seu desempenho nas atividades que realiza;
  • Organiza-se mentalmente de uma forma mais fácil;
  • Luta mais facilmente por metas concretas.

 

No fundo, os objetivos permitem-lhe uma maior organização mental, a qual se irá repercutir ao nível prático e de organização de tarefas e de ações.

O que está à espera para fazer a sua lista de objetivos para 2015/2016?

 

Objetivos S.M.A.R.T

Um objetivo corretamente delineado deverá ser SMART. Os objetivos S.M.A.R.T. significam que são:

  • Specific (específicos);
  • Measurable (mensuráveis);
  • Attainable (atingíveis);
  • Realistic (realistas);
  • Time Bound (temporizáveis).

Ou seja:

  • Específico: Devem ser formulados de forma específica e precisa.
    Exemplo: «Quero perder peso, em 6 meses, com um plano alimentar e exercício».
  • Mensurável: Deve ser passível de ser medido.

Exemplo: «Quero perder 10 kg».

  • Atingível: Deve ser um objetivo alcançável na prática, para que assim a motivação esteja sempre presente.

Exemplo: «Quero perder entre 15 e 2 kg por mês de forma saudável».

  • Realista: O objetivo deverá estar de acordo com os recursos da pessoa e/ou da situação.

Exemplo: «Vou fazer apenas 2 vezes exercício por semana, porque tenho uma vida muito ocupada».

  • Temporizável: O objetivo deverá ter sempre um prazo ou limite.

Exemplo: «Vou perder este peso até ao final do mês de março de 2016».

 

Conselho da Psicóloga

Um bom momento para fazer uma lista de objetivos de vida, é no final do ano.

Essa lista deverá conter objetivos pessoais, profissionais, afetivos e de saúde.

Escreva-os para 6 meses e reveja-os mensalmente.

Em junho, reescreva de novo esta lista.

Afixe esta lista num local visível, ao qual possa sempre ter acesso, bem como, traga a lista na sua agenda ou carteira.

 

Artigo publicado na Zen Energy Nº 82 (edição de Novembro de 2015)