O corpo foi pensado para se mexer

Já lhe aconteceu sentir-se culpado por não ter ido ao ginásio ou por ter faltado à sua aula de yoga ou pilates? Aprendeu a meditar, mas desistiu poucos meses depois? E se for como a maior parte da população, deve sentir-se culpado por não dedicar mais tempo à sua família. E não deve cair-lhe muito bem ver a pilha de livros a crescer na sua mesa-de-cabeceira que vislumbra todas as noites com um suspiro profundo, pesado, perguntando-se quando chegará o momento de lhes pegar.

dupla1

Sente-se stressado, esgotado ou, simplesmente, aborrecido com a sua vida? Sente que tudo lhe custa mais do que gostaria? Tem a sensação do que um dia vai desabar, mas que para já não se pode dar a esse luxo? Acha isto normal?

Tem, com certeza, uma hipoteca para pagar, propinas, empréstimos, carros, uma longa lista de faturas que nunca mais acaba. Bem-vindo ao mundo moderno. Um mundo com pouco tempo para nós próprios, um mundo pouco tranquilo que nos sufoca e nos engole por inteiro, antes mesmo de percebermos bem o que nos está a acontecer. Então, como é que podemos encontrar alguma serenidade, distanciarmo-nos de tudo o que nos oprime para que nos consigamos organizar de maneira a alcançar a paz e a liberdade?

 

E se aprendêssemos a utilizar os poderes do nosso próprio corpo para nos tratar e evitar doenças? Para isso, basta saber fazer, perceber algumas regras de base e ter confiança no poder curativo que existe em todos nós. Mas, acima de tudo, basta querer.

No Universo, na Natureza, na vida humana, tudo é movido por energia, uma força dinâmica em fluxo constante. Somos todos feitos de energia, somos todos compostos de átomos e moléculas, até o grande Universo, as plantas, os animais, os nossos corpos, as casas que nos abrigam.

A energia está na água que bebemos, na comida que comemos, na troca de energia, do sexo que fazemos. Tudo o que acontece à nossa volta é provocado por energia e nada acontece sem energia, pois a própria vida não podia existir sem energia. A energia é um potencial primordial que está disponível para nos servir. Basta aprender como tirar melhor proveito.

 

À medida que a ciência avança em relação ao conhecimento do nosso corpo físico, nota-se a necessidade e até a obrigação de estudar e encarar o Homem como um Todo e de tratar do corpo de uma maneira holística, mente, corpo e espírito, aceitando e utilizando estas terapias energéticas do ‘mundo invisível’.

 

E se eu lhe dissesse que existem exercícios que podem ajudá-lo a sentir-se melhor, a ter mais energia, a ganhar mais clareza, a tornar-se mais flexível, a construir uma melhor imunidade e a aumentar a sua vitalidade e alegria?

Nesta edição especial vamos aprender a ser as pessoas que somos destinadas a ser. Vamos descobrir que a paz é um jogo interior e vamos aprender a atenuar o ruido que povoa as nossas cabeças. Afinal, o mundo lá fora começa a mudar quando mudamos o nosso interior.

Os exercícios que propomos nesta edição especial, além de prevenir e tratar as nossas doenças, vai ajudá-lo a aumentar o nível de consciência, a sua capacidade de concentração e de realização, proporcionando mais intuição, melhores relacionamentos e comunicação e, sobretudo, mais autoconhecimento. Ou seja, mais bem-estar e felicidade, serenidade e paz.