«É importante libertar a mente das preocupações
do dia a dia»

Foi filha de Super Pai já lá vão vários anos, e, ainda hoje, as pessoas que se cruzam com Sofia Arruda na rua, se recordam da deliciosa Carmo que acabou por ser responsável pela continuidade da sua carreira de atriz. Nesta entrevista, Sofia Arruda desvenda os seus sonhos, revela os segredos da sua dieta alimentar e, ainda, o que a faz rir e ser feliz.

 

Desde cedo que a atriz teve de aprender a conciliar a escola ‘normal’ com o trabalho em televisão. Apesar de não terem sido «anos fáceis, foram muito felizes». Hoje, Sofia Arruda considera-se uma apaixonada pela representação.

Como surgiu a representação na sua vida?
Penso que a paixão pela representação é que foi a responsável pela continuação da minha carreira. Ao longo de muitos anos tive de conseguir conciliar a escola ‘normal’ (comecei a gravar aos 11 anos), o trabalho em televisão e o teatro com os cursos de representação que queria fazer. Não foram anos fáceis, mas foram muito felizes e isso fez-me perceber que, se ia trabalhar em algo para o resto da vida, tinha que ser algo que me fizesse sorrir de manhã à noite, mesmo quando os meus dias de trabalho/escola tivessem mais de 14h diárias!
O meu primeiro trabalho em televisão e, consequentemente, a representação, surgiu, por acaso, quando fui acompanhar o meu primo a um casting e pediram-me para o fazer também. Não ia preparada nem sabia o que esperar de um casting. Nunca tinha feito nenhum! Mas, fiquei com o papel na série Crianças S.O.S, que foi o meu primeiro trabalho em televisão.

Com tantas coisas que já se fizeram entretanto, acha graça como as pessoas se lembram tão bem da história e das personagens?
A série Super Pai foi um marco na televisão portuguesa, nunca antes tinha sido feito um trabalho em ficção que tivesse crianças como protagonistas, além de ter excelentes atores para consolidar a história. Era o perfeito programa familiar!

Ainda mantém contacto com as suas antigas ‘irmãs’?
Claro que sim! Vão ser as minhas manas para sempre! Temos várias fotografias juntas no Facebook e no Instagram.

Estilo de vida saudável
Tem muitos cuidados de saúde. Apesar disso, ainda cede a alguns ‘pecados’?
Tenho cuidados sim. Preocupo-me em tentar comer frutas da época (e evito fruta importada), por achar que são mais saudáveis e porque o nosso organismo precisa do que a terra dá naquela altura do ano. Bebo muita água e quando começa a época das gripes começo logo a beber água com raiz de gengibre e isso ajuda-me a não ter uma única gripe há 2 anos! Claro que nem tudo são rosas e custa-me muito resistir a um bom chocolate ou a pipocas do cinema.

É conhecida por manter um estilo de vida saudável. O que faz em concreto?
Além de praticar exercício físico, uso quase sempre as escadas em detrimento do elevador. Bebo bastante água e chá. Adoro chá! Não fumo e evito ambientes de fumo. Bebo álcool socialmente, mas, raramente, e pretendo deixar de todo. Amo muito a minha família, o meu namorado e os meus amigos! Tento sempre ver o lado positivo das coisas até da pior maldade. Assim, sou uma pessoa saudável.

Mudou a sua alimentação. Porquê?
Mudei, porque andava a sentir-me cansada a meio do dia. Almoçava e precisava de beber café para me concentrar. Eu odeio café! Além disso, sentia-me muito inchada e com dificuldade nas digestões. Fui à nutricionista e o meu mundo alimentar mudou muito! Passei a beber mais água/chá, a comer legumes a todas as refeições, a comer sopa, pelo menos, uma vez por dia, evito comer doces à noite, porque percebi que era isso que me provocava insónias. Pequenas coisas que mudaram muito a minha vida.
Diz que quer ser uma pessoa saudável quando for mãe. Já sente vontade de ser mãe?
Quero ser uma mãe forte, quero amamentar, quero andar com os filhos às cavalitas e levá-los ao parque e ensiná-los a surfar. Para isso, o meu estilo de vida tinha de mudar e é nisso que tenho vindo a trabalhar. Ainda não sei quando é que esse dia vai chegar, mas quando for, estarei pronta. Espero! (risos).
Também é adepta do exercício físico. Que treinos faz?
Faço de tudo um pouco, o que importa é mexer o corpo e libertar a mente das preocupações do dia a dia. Faço kickboxing 1 vez por semana, na Academia Kolmachine, faço aulas de surf 1 a 2 vezes por semana, em Carcavelos, na 69 Slam Surf School e vou ao ginásio, na Malo Clinic. Lá, faço trabalho com o personal trainer 1 vez por semana e, quando consigo, aulas de grupo ou, às vezes, vou correr com o meu namorado junto ao rio.

Viver em equilíbrio
Qual é o seu truque para começar bem o dia?
Receber um beijinho de bom dia do meu amor! (risos)
Mas, também começar o dia com o ‘pequeno-almoço de campeões’, como nós chamamos cá em casa. Consiste em ovos mexidos, torrada em pão integral com um bocadinho de compota caseira e sumo de laranja natural. Para mim, não há melhor!

Acredita no amor para toda a vida?
Acredito que o amor é algo que nós construímos em conjunto com outra pessoa. Penso que se andarmos sempre atentos a nós próprios e à pessoa que amamos, e vice-versa, o amor pode durar para toda a vida, sim.

Acredita que é através da confiança em nós mesmos e na nossa determinação que atingimos os nossos sonhos?
Acredito completamente nisso! E acredito também que o nosso círculo de amigos e família nos envolvem com energia positiva que nos ajuda muito!

Quais são os seus maiores sonhos?
Ser uma mulher realizada, quer na vida profissional, quer na vida pessoal e na família. Quero muito conseguir esse equilíbrio!

 

Artigo publicado na Zen Energy Nº 89 (edição de junho de 2016)