Como é um baralho?

Um baralho de Tarot é constituído por 78 cartas, sendo 22 Arcanos Maiores e 56 Arcanos Menores. Existem imensos baralhos, sendo a sensibilidade, o conhecimento, a experiência de vida e as memórias de quem os cria aquilo que os distingue. Contudo, a estrutura e a mensagem principal de cada carta
são iguais em qualquer um deles.

 

Todas as cartas, tanto dos Arcanos Maiores como Menores, têm imagens muito simbólicas e cheias de informação que permitem identificar
e aconselhar sobre as questões que são feitas no momento.
O Tarot apazigua, pois permite – a quem faz a aprendizagem – aceitar o bom e o mau, o sim e o não, a Luz e a Sombra. É nesta dança dos opostos que se encontra o equilíbrio do seu Ser e da vida. Ao aceitar isso em si, aceita também nos outros. Aceitar não significa ter de ficar, mas sim deixar de julgar, criticar e fazer-se de vítima, pois a compreensão do indivíduo é realizada com outra grandeza. Cada um é o que é e dá o seu melhor no momento e na condição em que se encontra, e isto é Espiritualidade, no meu sentir, aceitar o outro e a mim mesmo como estou e sou.

Arcanos Maiores
Os Arcanos Maiores são 22 cartas numeradas de 0 a 21 e representam as grandes verdades da vida e os desafios que são colocados no plano físico. Evidenciam os grandes segredos e mistérios acessíveis
a quem procura o conhecimento. Mostram o percurso da vida humana, ilustrando os desafios e a eterna luta dos opostos que cada carta representa. Qualquer realidade é feita a partir do equilíbrio entre dois contrários. Nesta dança, nada é estático.
Todos os percursos iniciam-se com o Louco (carta 0) que se prepara para “encarnar” no plano material. A pequena trouxa que carrega simboliza a parca bagagem com que viajamos de vida em vida. Vai crescendo ao longo desta viagem, até conseguir chegar à sua plenitude consagrada na última carta dos Arcanos Maiores, que é o Mundo (carta 21).
Esta viagem do “Herói”, que representa cada um de nós enquanto indivíduos, divide-se em três linhas, em que a carta
0 – que representa o Louco – fica a “observar”.
A primeira linha (da carta 1 à 7) representa a chegada ao mundo físico e até ganharmos autonomia com a consciência da nossa identidade. A segunda linha (da carta 8 à 14) representa o percurso interior, a compreensão do mundo e da vida, bem como o crescimento através das transformações que vamos fazendo relativamente às perspetivas de vida.
A terceira linha (da carta 15 à 21) representa os grandes desafios e as grandes conquistas, pois mostra como é possível transcender o ego e libertarmo-nos do peso da matéria.

Arcanos Menores
Os Arcanos Menores são 56 cartas que representam pessoas, acontecimentos, comportamentos, emoções, ideias e atividades que fazem parte do dia-a-dia.
Os Arcanos Menores estão divididos em quatro naipes: Espadas, Ouros, Copas e Paus.
Cada naipe é composto por 14 cartas, perfazendo um total de 56 cartas. Cada naipe é constituído por cartas numeradas que vão desde o Às até à carta 10,
e pelas cartas de figuras compostas pelo Rei, Valete, Dama e Cavaleiro.

Cada naipe está associado a uma área de vida:
• Espadas – Campo Mental;
• Copas – Campo Emocional;
• Paus – Campo Espiritual ou Trabalho;
• Ouros – Campo Material.

 

Venha aprender esta Arte de Sabedoria da Vida.
É uma honra muito grande transmitir os ensinamentos desta ferramenta de autoconhecimento e desenvolvimento pessoal que tanto sentido dá
à minha vida!